fotos

fotos
nossas

Seguidores

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

Onde rola a falta de respeito no mundo do swing e a intolerância.

Eu venho percebendo q tem havido uma certa falta de respeito entre os diversos grupo no swing, vou tentar explicar melhor.
Tem por ex. o certo grupo q é contra a ver sexo na pista ou ate mesmo um simples stripper, e tenho os casais q são a favor disto na casa de swing, pronto ai vem à falta de respeito entre os grupos, para aqueles q são contra acham q é falta de respeito com eles se isto acontecer, e para aquele q curtem acham q é falta de respeito com eles, isto ser proibido dentro da casa de swing.
Quem é contra acha isto nojento e desrespeitoso com as pessoas, pois acham q a casa de swing deve ter lugar certo para se fazer isto.
Já os q são a favor acham q às casa de swing deveria ser realmente um lugar liberal, onde todos poderiam realizar suas fantasias, a final de contas onde mais vc poderia realizar este tipo de fantasia.
Então imagine este dois grupos num mesmo lugar, ninguém chega a lugar algum, e todos se acham mais no direito q o outro.
Então eu acho q para se resolver isto, todas as casas deveriam ter dias específicos onde tudo poderia acontecer na casa, eu sei q neste dia irão mais os casais q curtem este tipo de coisa, mas ai ninguém poderia reclamar, e não ficaria uma coisa proibida desrespeitando nem um grupo nem o outro grupo.

Outro grupo q às vezes se estranham por não respeitarem muito uns aos outros, são os grupos de pessoas muito liberais e os mais travados ou mais contidos.

 A turma dos liberais por serem liberais aos extremos acha q podem falar tudo q pensam q não irão magoar as pessoas, e isto não é bem assim, e o dever de todos respeitarem o próximo e saber dividir as coisas? Por ex. se um casal só curte troca, não tente forçar uma situação onde não rola troca, se o casal curte o swing, mas para se exibir, e o liberal chegou e a pessoa falou q não, não deve força a barra e nem ridicularizar o desejo do casal.
Mas tbm aquele mais contidos tbm tem q respeitar os mais liberais, pq é simples não esta escrito na testa de ninguém o q vc curti, então faz parte do casal mais liberal ou a pessoa mais liberal se aproximar e pedir, por ex. para um casal q quer só troca para sair com o parceiro dele sozinho, isto não é nenhum pesadelo, ai vai do casal falar q não curte, e a pessoa ou casal mais liberal aceitar o não de boa, sem ficar questionando e ridicularizando ninguém ou a fantasia do outro.
E os mais contidos ou mais travados não devem tentar impor aos outros ou ao local q tudo deve ser proibido, afinal de contas ele q é travado não os outros.
Este dois grupos são os mais fácil de se acerta, mas por incrível q pareça são os q mais se bicão, pois não são tolerantes uns com os outros, um se acha mais no direito q o outro.
Outro grupo q sempre da merda é os ciumentos e não ciumentos, o ciumento sempre da merda pq ele acha q só ele tem sentimento, e por ter ciúmes acha q todo mundo tem q respeitar o ciúme dele.
O grupo não ciumento já acha q o mundo liberal não tem espaço para ser ter ciúmes, e às vezes critica quem te, por não entender este ciúmes, q para ele é tolo, e muitas das vezes se bica com o ciumento pq ele tbm tem sentimento, Pq ele não tem ciúmes, mas tem outros sentimentos como todo mundo.
Estes dois grupos são os mais complicados, pois ninguém quer ceder pq um vai ferir o outro, isto  pode acontecer dentro do casal como tbm pode acontecer entre casais, e ai sim tem uma puta falta de respeito pelos dois grupos, uma por se achar q só ele tem sentimento, e ou por achar q não deve existir este tipo de coisa no swing, pq atrapalha e muito o mundo do swing.
Outro grupo q da muita merda são aqueles q querem curti a balada e se exibir, e os q vão para as casas só a traz de sexo.
Os q querem só baladas, muitas das vezes criticam quem curte sexo, e ate mesmo com palavras q não deveria existir dentro do swing, como chamar uma mulher de puta pq esta dando, ou o marido de corno pq a mulher dele esta dando para outro, afinal de contas uma casa de swing tbm é lugar para se fazer sexo, a filosofia do swing é entorno do sexo, não tem como julgar ninguém por fazer sexo ou se a pessoa deu de mais ou não.
Já os q são a favor do sexo e contra balada se esquecem do seguinte, se numa casa de swing tem musica e pista de dança é pq tem gente q curte isto, tem gente q adora se exibir ,e ninguém é obrigado a fazer sexo só pq esta dentro de uma casa de swing, tanto q uma das filosofias do swing é, tudo aqui é permitido e nada é obrigatório, e os q costumam a ir à casa de swing só traz de sexo ficam rotulando as pessoas q curtem mais a balada, como frescas chatas e outras coisas, pq eles estão la para se diverti.
Este dois grupos são os mais toscos as brigas deles, pq os dois estão certos, mas estão errados em criticar uns aos outros, pois swing é isto tudo, uma mistura de fantasias e desejos, e não tem pq desta briga tosca.
Outro grupo q não se respeita nem um pouco, são aqueles individualistas e os q pensam no coletivo.
O individualista ele pensa nele o no desejo dele ignorando o próximo, onde ele pode falar o q der na cabeça dele sem pensar q vai magoar alguém ou outro casal, ele geralmente quer só o desejo dele fodasse o desejo do próximo ou do coletivo.
Já o q pensa no coletivo tem um grande erro, pq ele não pensa no desejo individual das pessoas, pois cada pessoa tem sua fantasia e isto nunca pode ser ignorado, às vezes pensar de mais só no coletivo acaba trazendo mal estar entre as pessoas, já q o coletivo nem sempre pensa a mesma coisa e vc acaba não agradando a todos.
Estes dois grupos é muito fácil de se resolver, mas não se resolve mais uma vez pela intolerância das pessoas, pq ninguém quer ceder um pouco, pois nem tudo é só coletivo nem tudo é individualismo, isto é como um chefe de uma empresa tem hora q ele tem q escutar seus subordinados para ele crescer e poder arrumar alguns erros na sua empresa, mas tem hora q ele tem q ser o principal, pois ele q sabe onde o calo dele aperta, mas vc vê por ai como é fácil resolver, mas como é difícil lidar com o ser humano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário